DIARIO G1

As principais notícias do Brasil e do mundo. Cultura,economia, emprego, educação, saúde, politica no maior portal independente carioca.

Surfe: Medina e Ítalo chegam como favoritos à etapa de Margaret River

Tatiana Weston-Webb tem retrospecto positivo na praia australiana

O Circuito Mundial de Surfe chega à quarta etapa com o Brasil vivendo um ótimo momento na competição. A janela de disputas em Margaret River (Austrália) começa na noite deste sábado (1) tendo Gabriel Medina usando a lycra amarela de líder do ranking mundial masculino, e o atual campeão Ítalo Ferreira ocupando a segunda posição da classificação.

T-minus 3 days until The Boost Mobile Margaret River Pro kicks off.
Tune in May 2-12 on https://t.co/ie0ZfMVLPY.@BoostAus @corona pic.twitter.com/MIlUn4B8wk— World Surf League (@wsl) April 28, 2021

Os brasileiros foram muito bem nas duas primeiras etapas da perna australiana do Circuito, com o surfista de São Sebastião ficando com o título na praia de North Narrabeen, em Sydney, e o potiguar vencendo na praia de Merewheter, em Newcastle.

E Medina terá um desafio enorme desde a primeira fase, quando terá como companheiros de bateria o australiano Cyrus Cox e o campeão mundial Adriano de Souza (que faz sua temporada de despedida do circuito mundial).

Ítalo Ferreira terá um início mais tranquilo, enfrentando os australianos Jacob Willcox e Jack Robinson. Além de Ítalo Ferreira, Gabriel Medina e Adriano de Souza, o Brasil será representado na competição masculina por Yago Dora, Alex Ribeiro, Peterson Crisanto, Miguel Pupo, Deivid Silva, Caio Ibelli, Filipe Toledo e Jadson André.

Disputa feminina

Entre as mulheres, o Brasil tem apenas uma representante, a gaúcha Tatiana Weston-Webb, que foi vice-campeã na última etapa, realizada na praia de North Narrabeen. Além disso, ela tem um bom histórico em Margaret River, onde também ficou com a segunda posição no ano de 2019.

Agência Brasil – Rio de Janeiro

Edição: Fábio Lisboa