Prejuízos aos cofres públicos passam de R$ 6 milhões

A Polícia Civil do Rio de Janeiro deflagrou hoje (23) uma operação contra uma organização criminosa que fraudava o sistema de cartões do transporte coletivo bilhete único. A ação conta com agentes da Delegacia de Capturas (DC-Polinter) e da Delegacia do Consumidor (Decon).

Estão sendo cumpridos 21 mandados de prisão e 30 de busca e apreensão. A investigação, iniciada há pouco mais de um ano, aponta que o esquema causou prejuízo de mais de R$ 6 milhões aos cofres públicos, inserindo créditos de forma fraudulenta nos cartões de transporte, que depois eram usados em diversas estações de trem no estado.

Segundo a Polícia Civil, seis pessoas foram presas até o momento e responderão pelos crimes de organização criminosa e estelionato.

Publicado Por Agência Brasil – Rio de Janeiro

Edição: Kleber Sampaio